Aguenta mermão!

Triste sina de Zé Boneca
Triste sina
de Zé Boneca.
Por causa da Bela,
pediu pro Bilú
trabalhar na boca
Levado da breca,
sem breque na língua
abriu bico pro mano
que era primo de Fulano,
tio de Ciclano
irmão de Herculano
o gambé das redondezas.
Verdadeira íngua
na Vila das Belezas.
Aumentaram o arrêgo.
A corda roeu.
e o ponto rodou.
Na rua,
não teve branco nem nêgo
que segurasse a bronca
do garoto vacilão.
Sofreu a beça
antes que a bala
beijasse sua testa
no escuro daquele beco.
JOTAPÊ
Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s