Botaram a boca na vuvuzela

Anúncio com ironia ao “dono” da Copa é vetado
(FSP, 20/03/2010)

FÁBIO ZANINI
DE JOHANNESBURGO

Ciumenta quanto às marcas registradas da Copa, a Fifa conseguiu ontem retirar de circulação na África do Sul um anúncio que ironizava justamente essa obsessão.
“A transportadora não oficial de você sabe o quê”, era o slogan da campanha publicitária da Kulula, uma companhia aérea famosa por usar a irreverência em seu marketing. A brincadeira, segundo disseram representantes da empresa, era com o fato de nem a expressão “Copa do Mundo” poder ser usada. O anúncio, veiculado em jornais e revistas, apresentava ainda bolas de futebol e as famosas vuvuzelas.
A entidade que comanda o futebol não achou graça e ameaçou com um processo judicial, sob o argumento de que a empresa estava fazendo “marketing de guerrilha”.
“A combinação das imagens mais o slogan constituem um desrespeito às leis de direito de imagem”, disse Wolfgang Eichler, porta-voz da entidade. A Kulula capitulou e retirou os anúncios de circulação, não sem antes novamente fazer piada.
“Oh, meu Deus, uma carta dos advogados da Fifa diz que nós violamos a marca registrada “África do Sul” e acha que nosso anúncio não-Copa do Mundo era sobre futebol”, disse a Kulula no Twitter. A organização da Copa do Mundo promete uma blitz para proteger as marcas relacionadas ao evento.

Anúncios

Um pensamento sobre “Botaram a boca na vuvuzela

  1. Essa notícia também chamou minha atenção. Para além da bem humorada campanha, a gana com que FIFA, COI e suas subsidiárias nacionais tentam arrecadar seus milhões impressiona. Há pouco tempo tivemos o caso de uma publicação universitária cujo título incluía algo como “ideiais olímpicos” – alvo de ação do COB visando a retirada de circulação da obra. Pena que no Brasil não seguirão a regra de que todos os estabelecimentos que pretendessem transmitir jogos da Copa passassem por credenciamento prévio. Queria ver os caras se virarem com os dados de cerca de quinze milhões de botecos, padarias, escritórios, empresas, lojas, etc que tradicionalmente mantém um aparelho ligado nesses momentos.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s