Outra dose de papo transversal

Me interessa, especialmente, esse posicionamento já comum de que “vamos seguir, sem dúvida, a orientação do nossa liderança maior”*. Há algum tempo, talvez idealizado, mesmo com Dirceus e afins no comando, fazia-se questão de uma aparência de participação e democracia. Agora, ser de esquerda é aceitar as definições do cara. Esperneia-se somente escondidinho. Impressionante.

* Li declarações à beça nesse sentido nas últimas semanas

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s